Gestão de Oficina Para o Mecânico

Qual a influência de peças de má qualidade no futuro da oficina mecânica?

Oficina mecânica

Um bom gestor de oficina mecânica deve se esforçar para oferecer bons serviços, você não acha? Afinal, descaso no atendimento e peças de má qualidade podem prejudicar o estabelecimento perante os clientes. Ter atenção a esses aspectos é essencial para fazer com que o negócio continue lucrando e atinja resultados financeiros mais do que satisfatórios.

Pensando na importância desse assunto, elaboramos este artigo. Durante a leitura, você entenderá quais são os impactos negativos que esse tipo de peça pode causar para a sua oficina. Além disso, também mostraremos algumas dicas para ficar longe dessas armadilhas.

Boa leitura!

Quais são os impactos das peças de má qualidade na oficina?

Acredite: peças de qualidade duvidosa são prejudiciais de várias formas para um empreendimento voltado ao reparo de veículos. Confira, a seguir, alguns dos impactos negativos mais preocupantes!

Gera o retrabalho

Você quer que sua oficina seja cada vez mais produtiva e sempre alcance um bom desempenho, não é mesmo? Saiba que utilizar componentes de segunda mão tende a comprometer o dia a dia de trabalho.

Tanto para você quanto para os reparadores, haverá um carga extra de trabalho — o que não significa que vocês receberão a mais por isso. Em caso de uma falha qualquer ou de uma reclamação de garantia, por exemplo, será necessário trabalhar dobrado por conta de uma peça de má qualidade. Na prática, isso toma um tempo que deveria ser usado para executar serviços devidamente remunerados.

Muitas vezes, os próprios clientes procuram uma peça de baixa qualidade por ser mais em conta. No entanto, caso alguma complicação aconteça, é o reparador que sentirá esse impacto de ter que trabalhar duas vezes. Você terá um carro a mais parado na oficina, ocupando o espaço que poderia ser de outro veículo. A médio e longo prazo, o retrabalho pode comprometer a lucratividade.

Espanta a clientela

Quem trabalha no ramo há um tempo sabe quão difícil é fidelizar e manter um bom relacionamento com a clientela. Imagine só o quão desagradável seria para um cliente se dirigir a sua oficina por conta de uma falha que poderia ser evitada?

Itens de segurança, como os freios, são ainda mais delicados nesse sentido. Se o sistema de frenagem de alguém falhar por causa de uma pastilha ruim, isso pode afastar as pessoas que estão habituadas a frequentar seu estabelecimento. Sendo assim, para não espantá-las, vale a pena trabalhar apenas com elementos de primeira linha.

Acaba com a credibilidade

Para fazer sucesso no segmento, não basta ter uma bela fachada — também é necessário criar uma reputação no mercado. Quem trabalha com produtos ruins se sujeita aos comentários negativos e às contraindicações. Pense bem: você recomendaria uma loja que não preza pela qualidade para os seus familiares? Para fazer com que seus clientes não corram para a concorrência, desenvolva uma relação de confiança com serviços dedicados e ótimas peças.

Como evitar peças de má qualidade?

Como vimos até aqui, a qualidade é primordial, porque:

  • ajuda os reparadores a fazer um bom trabalho;
  • faz com que o cliente não precise retornar e solicitar reparações de um serviço que não foi realizado corretamente;
  • evita a insatisfação. 

Afinal, como deixar sua oficina distante das peças de má qualidade? O passo mais decisivo é caprichar na escolha dos fornecedores. Prefira companhias que são homologadas nas principais montadoras do mundo e têm as certificações exigidas — de qualidade e ambientais. Essa é o melhor caminho para garantir a integridade e segurança dos seus serviços.

Ao procurar peças com materiais de atrito, por exemplo, busque empresas que exerçam um rigoroso controle, tanto na formulação, quanto nos processos de fabricação. É oportuno destacar, mais uma vez, as marcas que cumprem requisitos estabelecidos pelas montadoras mais importantes. Geralmente, isso se reflete na alta qualidade dos produtos oferecidos nas normas de reposição. 

Quando os responsáveis pela gestão tomam esses cuidados, é bem provável que as peças ruins — e os diversos prejuízos que elas podem causar — fiquem longe de sua oficina. Confira, a seguir, algumas dicas para não errar ao fazer essa escolha!

Como escolher boas empresas para comprar peças?

Antes de tudo, tenha atenção a dois fatores fundamentais: garantia e nota fiscal. A nota é uma segurança prevista pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC), que ajuda a exercer o direito à garantia dada pelo fabricante. Além disso, há fornecedores que oferecem um período de garantia adicional, porque confiam na qualidade de seus produtos — fique de olho nisso!

Não se esqueça de analisar a relação entre custo e benefício. Componentes melhores tendem a apresentar um custo maior ou na média do mercado. Apesar disso, o investimento mais alto é compensado pela redução do retrabalho e pela satisfação dos clientes. Boas peças ajudam a oficina a manter um padrão de qualidade no trabalho e evitam propagandas negativas.

Sempre que possível, desconfie do “bom e barato”. Ninguém faz mágica, ou seja, dificilmente um produto que é absolutamente mais em conta que seus concorrentes tem o mesmo desempenho ou durabilidade. Para vendê-lo com aquele preço, o produtor precisou descontar em algum ponto.

Lembre-se de que refazer um serviço várias vezes pode sair bem mais caro do que comprar uma peça boa. Avalie a procedência do material que você compra, pois ele tem uma influência enorme sobre o serviço que a sua oficina presta. Tenha em mente que os clientes perceberão quando os reparadores recorrerem ao famoso “jeitinho” ou instalarem componentes de funcionamento duvidoso, com vida útil reduzida.

Conte com a experiência

Se possível, ouça sua equipe. Muitos reparadores possuem experiência com determinadas marcas e com o suporte oferecido, por exemplo. Tente saber se eles já tiveram algum tipo de problema com e quais foram as soluções encontradas.

Como você pôde perceber, peças de má qualidade não compensam em nenhuma ocasião. Sendo assim, planeje-se para escolher os melhores fornecedores e fidelize seus clientes com um ótimo serviço — o futuro de sua oficina agradece!

Se você gostou do conteúdo e quer trabalhar com ótimos componentes, entre em contato conosco!

Estoque para oficina mecânicaPowered by Rock Convert